Monday, March 27, 2006

Existem dois tipos de pessoas: as que eram felizes e não sabiam, e as que não eram felizes e nunca serão.

(O que importa é que no presente ninguém é feliz.)

1 comment:

Baiano said...

Ser feliz - nisso sempre discordamos.
Quanto aos 10% abaixo da linha de pobreza, fiz questão de registrar no texto.
"Claro, é gente demais. Mas não faz nenhum sentido o velho discurso de que o Brasil, com duzentos milhões de habitantes, é um país de miseráveis."
É muita gente. Não é satisfatório. Só o discurso do país de miseráveis que estou contestando.

[]´s